Fla/ENS conquista Campeonato de Inverno de Natação

Próximo desafio é o Troféu Brasil José Finkel, semana que vem, em São Paulo (SP).

Nas duas últimas semanas, a equipe Flamengo/ENS participou do Campeonato Brasileiro de Inverno de Natação em três categorias – Junior, Juvenil e Infantil – e obteve excelentes resultados. Nas duas primeiras, conquistou a medalha de bronze e, na Infantil, foi ouro!

As disputas aconteceram em Recife (PE), na semana passada, para as categorias Junior e Juvenil, com o time rubro-negro somando um total de 50 medalhas: 18 ouros, 18 pratas e 14 bronzes.

Já na categoria Infantil, na semana retrasada, o Flamengo/ENS se sagrou campeão da competição realizada em Belo Horizonte (MG). Com larga vantagem de mais de 700 pontos e o dobro de medalhas sobre o Corinthians, que foi o segundo colocado, a equipe conquistou 15 ouros, 21 pratas e 8 bronzes.

Agora, os atletas do Flamengo/ENS se preparam para o Troféu Brasil José Finkel, que ocorrerá a partir do dia 10 de agosto, na Arena da Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA), em São Paulo (SP), com a equipe Sênior. As atletas olímpicas Naná Almeida, Gabi Roncatto e Larissa Oliveira participarão da competição.

“Estou muito realizado com os resultados alcançados nos três campeonatos brasileiros de base. Ficamos no pódio em todos eles, fizemos vários novos campeões brasileiros e atletas em seleções de base. Agora, vamos nos preparar com muito afinco para a disputa do Troféu Brasil José Finkel, a fim de encerrar o melhor primeiro semestre dos últimos 15 anos. No momento mais difícil, o Flamengo se mostrou ainda mais forte”, declarou o gerente de Esportes Aquáticos do clube, Edson Terra.

Parceria Flamengo/ENS

A parceria da ENS com o Flamengo foi firmada em novembro de 2020. A união do ensino de excelência com o esporte de alta performance tem o intuito de promover o desenvolvimento de novos talentos para a equipe de natação e auxiliar atletas olímpicos do clube.

Pelo acordo, o Flamengo pode oferecer 110 bolsas de estudo integrais da ENS, em cursos de graduação e de MBA, a atletas olímpicos, colaboradores e torcedores do clube que vivem em condições de vulnerabilidade social. Atualmente, o clube reúne cerca de 800 atletas nas modalidades olímpicas, sendo que 44% deles são oriundos de regiões carentes.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *